domingo, 24 de agosto de 2008

Kika@Dubai XII

Depois de muitas perguntas, pedidos, admirações, exclamações e indignações pela minha falta de apreço e atenção por tamanho ícone dubaiano, decidi dedicar um post ao tão conhecido, amado, famosíssimo e carérrimo Burj Al Arab, que se encontra na Jumeirah beach, mesmo aqui ao meu ladinho. Vejo-o muitas vezes de dia...

... e de noite.
E realmente há que convir que é lindíssimo, pelo menos por fora, porque por dentro só saberei quando me casar com o meu Sheik Maktoum.
Agora ainda sou uma tesa desgraçada que nem se pode chegar ao portãozinho que é logo enxotada.... Xô Xô, la la (não)... inshala (oxalá) wahed (um) dia seja rica e vão levar um pontapé que non s'aguentam... monhés do catano!!!!!

5 comentários:

Le Rachelet disse...

Momento mete-nojo:

O interior é assim para o piroso, com tudo forrado a ouro, do elevador às arcadas (não, não é dourado, é ouro mesmo), fontezinhas que saltitam de um lago para outro e uma vista impressionante do restaurante sobre Jumeirah e as ilhas oásis.

Como é que eu sei?
Porque fiquei no hotel em frente (umas meras 5*, coitadito) que pertence ao mesmo dono e permite visitas ao Burj Al Arab.

Le Rachelet disse...

(é desta que vou ver um comentário meu ser barrado :D)

Kika Canas da Lapa disse...

Epah, sinceramente, sinceramente, também acho que no Dubai existem coisas bem mais interessantes do que o Burj, mas... pedidos são pedidos e eu sou uma menina muito prestável, logo tomem lá as fotos do dito.

Gostaria muito de o ver por dentro (a curiosidade é um dos meus defaults) mas também já tinha ouvido que a piroseira reina.. contudo isso é um problemita dos árabes em geral, não achas?

Le Rachelet disse...

Sim, ainda assim, as menos pirosas são as mulheres, que mesmo cobertas da cabeça aos pés, nota-se que têm cuidado em maquilhar-se e arranjar as unhas.

Kika Canas da Lapa disse...

Minha linda, permita-me discordar... as árabes, apesar de tapadas até ao cucuruto, são a piroseira em pessoa... os hijabs pretos estão cheios de brilhantes, bordados e lantejoulas, usam anéis, pulseiras, relógios e óculos cravejados de coisas que brilham ( aquilo dá-lhes o sol, até faz ricochete), e as pinturas são um 'petit peu' exageradas, assim tipo azul das pestanas até às sobrancelhas (uiiiiiiii). Portanto dá que pensar na passagem do Corão onde se pede que as vestes sejam simples, humildes e que não deem nas vistas... ah pois é.