quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Kika, a Mãe Natal



E como já só falta 1 mês e 11 dias para o Natal e o tempo é escasso e as filas depois são enormes e acabamos por comprar tudo muito mais caro porque se nos acaba a paciência e eu não tenho subsídio de Natal porque a minha Olivia patroa é uma rena e portanto tenho de dividir a dôr pelos meses circundantes, decidi ir hoje às compras natalinas.

Dos 50 presentes que tenho em lista, faltam-me comprar 8. Por mim a consoada pode ser já amanhã. Quer-se dizer, pensando bem é melhor não, porque da maneira como são os demais, euzinha ficava a chuchar no dedo (ainda queimado) e dos presentinhos nem o cheiro...

E Natal sem presentinhos é coisa que non s'aguenta... nem aqui nem no Pólo Norte!

7 comentários:

Tita Costa da Sé disse...

A minha amiga é tão despachada que non s'aguenta! Ainda não comprei nada. Beijinhos.

Maria João disse...

Isso é cá um despacho!!!!!
Minha querida o meu vai ser mesmo sem presentinhos, estou tão triste, bati com o carro e o arranjo foi uma exorbitância.
Bem vamos lá ver que maravilha me pode acontecer a seguir.
Mas a vida é boa na mesma, acho que podemos marcar o nosso jantar na minha casa sempre fica mais em conta, snif, snif...

beijos

Kika Canas da Lapa disse...

Sabes como é Tita... a pressa em pessoa sou eu :D


Opahh Maria, que seca de vida :(
Precisas de ajuda?
Por mim pode ser onde quiseres mas se o problema é dinheiro... desta vez sou eu a pagar, lembras-te? ;)
Grande beijo

Pedro disse...

Pois é.
O natal está à Porta.
Que coisa....,
Detesto o Natal.
Só nos traz despesa..,correria....., e o desejo de que acabe depressa.

Maria João disse...

Minha querida Amiga, claro que o problema é sempre o vil metal ou melhor a ausencia dele, mas o São Subsidio de Natal e a Santa Poupança deram uma mãozinha.
O nosso jantar pode ser na minha casa prometo que faço alguma coisa de acordo com o teu regime alimentar. Preciso é que vejas na tua agenda super preenchida uma noite para ele.

beijos

Kika Canas da Lapa disse...

Pedro, o Natal é para ser vivido como nos dá mais prazer e se, na tua opinião, os presentes equivalem apenas e só a despesa e correria, então o meu conselho é que reformules o teu Natal e o passes a viver com outra visão :)

Eu gosto do Natal. Sim, confesso que, por vezes, também já tenho a minha dose de irritação mas ainda continua a ser largamente coberta pelo prazer que esta época me dá.

Um beijinho e bom Natal ;)

Kika Canas da Lapa disse...

Ok minha linda... por mim pode ser um sábado ou um domingo à tua escolha. E nesse dia, estou por tua conta ;)