segunda-feira, 27 de abril de 2009

"He's just not that into you"



Depois de ter lido o livro, resolvi ver o filme.

Se ele não te telefona na hora a seguir, esquece, não está interessado.
Se ele não te convida para jantar daí a um par de dias, esquece, não está interessado.
Se ele não te salta logo para a espinha, esquece, não está interessado.
Se ele não quer casar contigo, esquece, não está interessado.
Se ele não... esquece.
Se... esquece.

Portanto, esquece... eles NUNCA estão interessados! E quando estão... ou são feios ou não sabem fazer vol-au-vent, e isso é coisinha que non s'aguenta!



Mas numa coisa eu concordo: se uma pessoa está realmente interessada noutra, telefona, procura, mostra cuidado, vai à Sibéria e volta, aprende a cerzir e treina a dança do varão... contudo, tenho para mim que há muito boas relações que começaram pouco a pouco, sem grandes explosões afectivas, sem grandes ramos de rosas todos os finais do dia, sem telefonemas de hora a hora só para dizer 'amo-te'.
Cada caso é um caso, e todo o caso pode ser uma excepção à regra.

21 comentários:

Le Rachelet disse...

E mesmo assim, às vezes eles gostam de fazer-se de duros e acham que vão parecer desesperados se correrem a telefonar.
Meninos: é tanga. As meninas gostam destas efusividades (podem é não gostar que venham de quem vem, mas isso já é outra coisa) e é preciso tê-los no sítio para dar estes passos em frente (senão, a coisa nem ata nem desata).

Mozka Tché Tché disse...

Ora estiveste muito bem.

Thunderlady disse...

Kikita, tu já leste no meu blog que casei há 9 anos, né? Talvez tenhas lido algures que este ano fazemos 13 de relação total.

Já me tentei lembrar e acho que até hoje não houve um único momento de lamechice ao estilo "mandei esta sms só para te dizer que te amo" ou "telefonei porque não me sais da cabeça" ou o que for.

Isso é lindo! Nos filmes. Ponto.

Mas... por outro lado, tanto eu como ele somos muito práticos.

Não há nada como adaptar os feitios. A relação vai tendo as necessidades e as exigências e está na nossa (de ambos) mão conduzir as coisas a bom porto.

É como dizes e bem: se uma pessoa está realmente interessada noutra, telefona, procura, mostra cuidado, vai à Sibéria e volta, aprende a cerzir e treina a dança do varão.

Ninguém precisa mudar mas há que mostrar que se tem interesse.

:)

Kika Canas da Lapa disse...

Rachelet, cada um é como cada qual e não há bitola com medida certa.

Uma coisa que tenho aprendido é a nunca desistir do que queremos, mesmo que nos pareça impossível, mesmo que a sociedade nos conte histórias da prima, da tia ou da vizinha da frente. Se não tentarmos, nunca saberemos, certo?

Kika Canas da Lapa disse...

Ora mozka muito obrigada. Prezo a concordância.

Kika Canas da Lapa disse...

Thunder, penso que é muito importante não rodear, falar abertamente, cuidar do outro e do sentimento que os une. Sabemos que nos princípios está tudo com medo de bater com os burros na água, mas há que ser genuíno e não adoptar a técnica do dobro.
Muitas vezes damos importância exagerada às palavras e esquecemo-nos dos actos :)

Hope you'll be happily ever after :*

vcrc disse...

eu pessoalmente gostei à brava do filme por ser tão branco no preto..

hierra disse...

Embora não tenha visto o filme, que dizem ser bem pragmático, o certo é que há indícios evidentes de que uma pessoa está interessada ou não, muitas vezes custa vê-los e tentamos ignorar...mas no fundo sabemos...

Infelizmente pra la dos 40 disse...

estive a ler os vossos comentarios e... apesar de já levar 23 anos de um casamento que quase nunca teve momentos de grande espalhafatosidade, eu sinto falta deles, porque sim... as palavras leva-as os vento... mas sabe bem ouvi-las e saborear a sua musica... ainda que seja só de vez em quando (porque todos os dias tbém enjoa é certo). Eu acho que a máxima é: NEM SEMPRE, NEM NUNCA... e dizer Amo-te não é sinal de fraqueza, mas sim de uma enorme grandeza de alma (está é mais para os homens....) e nós agradecemos.

Kika Canas da Lapa disse...

Vcrc, eu tb gostei imenso do filme, mas não posso deixar de achar que nos retrata como desesperadinhas e a eles como uns machos indecisos :P

Kika Canas da Lapa disse...

Hierra e aí é que esta o busílis da questão... a nossa ilusão :S

Kika Canas da Lapa disse...

titi dizer amo-te é tão bom qt ouvi-lo ;) Contudo há que tentar perceber pelos actos qd as palavras não saem da boca... se não conseguimos mudar o mundo, mudemos a maneira de olhar para ele :*

Infelizmente pra la dos 40 disse...

obrigada querida pela luva de pelica... mas que queres... burro velho não aprende linguas. Nascida romântica.... para sempre romântica. Digam o ke disserem eu ainda acho que dá para ver o mundo cor de rosa....

Kika Canas da Lapa disse...

Oh titi claro que podemos ver o mundo côr de rosa... o triste é que depois nos desiludimos sempre :(
Contudo há quem diga que antes cem vezes desiludido do que nunca iludido :*

Sem Jeito disse...

tenho de ver esse filme. eu não sou mt dada a romantismos nem lhes dou muito valor, consigo apreciar os pequenos gestos, coisas pequeninas e dou mt mais valor aos actos que às palavras.
mas tens toda a razao, qd se gosta e se preocupa faz-se o que for preciso,incluindo ir a siberia!
e ja agora uma perguntinha para a mestre dos restaurantes:conheces algum sitio em Lisboa onde se possa ouvir fado e jantar?
:)

Kika Canas da Lapa disse...

Vai ver, é uma comédiazinha light :)

Há um restaurante maravilhoso que se chama Bacalhau de Molho, com fadistas muito bons, antes de chegares à casa dos bicos, assim numa ruela estreitissima a subir. Já googlei e dei com ele :)
Senão quiseres este, tens o Sr Vinho, a taverna d'el Rey... Alfama inteira :)

Espero ter ajudado. Enjoy! Bj

Um gajo qualquer... disse...

O filme deve ser muito fixe... já está em DVD, ou cinema??

Adorei o teu último parágrafo, aquilo que escreveste faz todo o sentido!

;)

Kika Canas da Lapa disse...

Cineminha amigo...andas mesmo noutro planeta :P

Ainda bem que concordas, até porque isso só te dá pontos quando as leitoras giras do non s'aguenta lerem o teu comment LOLOLOL

ladybug disse...

Ok Kikinha, mas que post inspirado! Gosto sim senhora! Venham mais assim :) Beijoca grande

Kika Canas da Lapa disse...

Bugzinha, tinha-se-me faltado o Skip e eu andava a snifar marca Lidl... ;)

Beijinho e obrigada :)

ladybug disse...

Tá visto então que a marca Lidl não é prejudicial à saude ;) Boa viagem e um bom fds! Bjs