quinta-feira, 3 de abril de 2008

Inverno depois Verão = Praia


Meninos e meninas chegou o Verão!
A semana passada era Inverno e estava um frio que non s'aguentava, agora é Verão.
A Primavera já é coisa do antigamente (a culpa será do Al Gore?)!
Está assim, oficialmente aberta, a época balnear.
Vai começar o passeio de bikinis por praias Ericeirences.
Coxos e São Lourenço são a marca da casa, Ribeira d'ilhas para ver os babes.
Dourada é a cor da pele que se ambiciona.
Os cestos e as havaianas saem do armário.
Mergulhos nas águas gélidas que me fazem tonificar os músculos.
Boa praia.

4 comentários:

macacoivo disse...

Desculpem lá, mas para mim a época balnear está aberta todo o ano!!!

Para enrijar ossos, não há como despir o fato de neoprene, a seguir a uma bela sessão de kite, numa qualquer praia ventosa com uma temperatura do ar a rondar os 7ºC Isso sim enrija os ossos e mais algumas coisas... Não, não é isso que estão a pensar!!!! Suas mentes perversas... Isso que estão a pensar fica é com tamanho negativo looool (obviamente que falo por mim... :P )

O bom do calor é mesmo ver as gajas todas descascadas ihihihihihihih

Com a chegada do Verão aparece, saída debaixo das pedras, uma espécie fantabulástica, principalmente quando topam kites na água. E que espécie é essa? Perguntam-me vocês... Ao que respondo: são os CUMEC'S

Prometo que para a próxima explico...!

Ah é verdade.... Vem chuva e frio na proxima semana, portanto, deixem-me que vos diga: VIVA O INVERNO!!!!!!

Ass: macacoivo

Tita Costa da Sé disse...

Querido Leitor,

Explique-me lá o que são os CUMEC'S. Alguma definição para um conjunto de mulheres que não podem ver meninos a fazer kite que vão logo fazer claque??
A chuva para a próxima semana é um mito urbano! Viva ao Verão.
Obrigada pela participação.

Tita

MacacoIvo disse...

A única coisa que atrai mais curiosos do que um assalto a um banco com reféns e cerco policial, é um Kitesurfista na água!

Não existe forma de escapar às legiões de desocupados que preambulam por aí nas praias e lagoas sem nada para fazer, enquanto não chega a hora das novelas.

A não ser que prefiras ir praticar Kitesurf para o meio da floresta amazónica, estás condenado a enfrentar este exército de curiosos assim que puseres os pés na praia.

Se praticas Kitesurf, conheces a espécie: é aquele pessoal que precisa tocar em tudo, para acreditar no que estão a ver. Parecem um bando de cegos à procura de identificar pelo tacto cada detalhe do OVNI, que acabou de pousar na praia. Ás vezes chegam a ser agressivos e perigosos e contam-se muitas histórias de horror a respeito disso.

Ninguém esquece o drama do kitesurfista que foi literalmente devorado com kite, equipamento, tudo, pelas 8000 criancinhas durante um Campeonato Internacional.

Se pousares o Kite próximo à civilização, fica desde já avisado que o maior risco são os CUMECS.

São os tais desocupados curiosos que não sabem diferenciar uma PÊRA MADURA dum BOEING 747. E querem saber tudo!!!

- CUMÉQUI isto vai pró ar? Cuméqui isso, cuméqui aquilo e não param mais.

Por isso, são conhecidos no meio do Kitesurf como os CUMECS.

Os problemas começam a partir do instante em que exibes o teu sorriso de felicidade, afinal, acabas de participar num sessão de Kitesurf maravilhosa e estás radiante de alegria por continuar com todos os órgãos no lugar, ossos inteiros e, muito importante, a respirar normalmente.

Estar vivo, entretanto, nem sempre é uma vantagem, especialmente quando estás rodeado pelos CUMECS.

Sorrir numa situação destas é puro suicídio. É o sinal verde que os CUMECS estavam à espera para acabar com a tua paz e tranquilidade. A partir deste instante estás condenado a passar as próximas horas a responder às perguntas que são sempre as mesmas.

Alguns Kitesurfistas chegam a transportar consigo CÁPSULAS DE CIANETO para situações deste tipo, sem saída.

Porém, se queres praticar Kitesurf novamente no dia seguinte, esta solução pode atrapalhar um pouco os teus planos. O melhor é manter a calma, respirar fundo, fechar os olhos, pensar na Gisele Bundchen repetindo mentalmente o teu mantra: Boazona...boazona...boazona.

Se isto não te acalmar, ainda tens uma saída: fingir que és estrangeiro:
- "Eu no fala portugueish!"

A solução ideal, contudo, recomendada pelo "Manual de Boas Maneiras para Kitesurfistas”, é procurar ser educado e atencioso para com o público em geral e, particularmente com a Gisele Bundchen o que, convenhamos, não é assim tão difícil.

A seguir podes encontrar uma relação das perguntas mais frequentes dirigidas aos Kitesurfistas, com sugestões para respostas, além de algumas normas de procedimentos para tratar os CUMECS, com paciência e cortesia.

PERGUNTA: "Não tens medo, lá na água?"RESPOSTA: "O segredo é não olhar para baixo."

P: "Não tens medo de seres apanhado por uma tempestade?"
R: "Só de pensar nisso eu borro-me todo."

P: "E como fazes numa situação dessas?"
R: "Normalmente uso fraldas impermeáveis."

P: "Qual é a sensação de fazer Kitesurf?"
R: "É como estar a ter um pesadelo, acordado."

P: "Então porque fazes Kitesurf?" R: "É o que meu psiquiatra está a tentar descobrir."

P: "É fácil aprender?"
R: "A apredizagem é gradual, e por etapas. Primeiro brincas com um guarda-chuva aberto, depois com um guarda-sol aberto e assim por diante, até chegar ao Kite."

P: "Quanto pesa um kite?"
R: "Não sei, pergunte ao meu criado, quando ele chegar."

P: "Quando é que vais para dentro de água?"
R: "Estava a pensar ficar por aqui. Que idade tem mesmo a beldade da tua irmã?"

P: "Caístes aqui?"
R: "Pois é, acabou a gasolina."
Nota: Outra alternativa é dizer que "acabou o ar". Isso manterá os CUMECS pensativos e calados por uns 2 minutos, mais ou menos.

P: "Para que serve isso (Barra de controle)?"
R: "É o GIROSPLIC OROGRÁFICO. Serve para controlar o "ANIMAL DOMESTICADO".
Nota: Isto normalmente garante mais 2 minutos de sossego.

Porém, um dos métodos que garante melhores resultados para conseguir silenciar de vez os CUMECS é … Se a tua namorada estiver na praia? Quando chegares perto dela, grita bem alto para todos ouvirem:

- "Ena pá, lá vem a minha IRMÃ!!! Sai a correr, agarra a tua namorada apaixonadamente e lasca um tremendo BEIJO na boca.
Se a tua performance for convincente ninguém vai perguntar mais nada, a multidão de CUMECS dispersará e a tua namorada ainda te dará mais alguns beijos antes...

de...

te trocar definitivamente pelo Ricardão, que é parapentista e não dá tanto trabalho.


(Texto adaptado de autoria de Águia Cabeluda)



Pois bem.... Cá está a explicação dessa espécie rara looool ;)

Kika Canas da Lapa disse...

Queriam praia não era? Ah pois é bebé... chuvinha que faz bem à horta, pa crescer os grelos e o tomatal...
Rica Tita, calce as suas havaianas e vista os seus bikinis e vá pós coxos. Eu, como sua fiel amiga, vou atrás de si com uma palete de Cêgripe... qué pó caso de ser atacada pla 'plumonia' loooooooooool